Widgetized Section

Go to Admin » Appearance » Widgets » and move Gabfire Widget: Social into that MastheadOverlay zone

Sexo na terceira idade é bom e faz bem

Publicado 8 novembre 2014 per Andrea Rego  • 684 visualizações
na terceira idade é bom e faz bem
5 (100%) 2 votes

Em todas as fases da vida, há pessoas que são interessados pelo sexo e outras não, e isso não muda na terceira idade, afirma a filosofa e feminista francesa, . Segundo ela, o que faz a diferença é atitude.
Há mulheres, como a atriz , que aos 75 anos, confidenciou se sentir mais realizada sexualmente do que nunca, e existe aquelas cujo único interesse é o almoço familiar de domingo. Os homens também podem ser sentir mais ou menos implicados em relação ao sexo nesta faixa etária.

Tudo é possível

O importante é que tudo é possível, exatamente tudo como para os jovens e não há nenhuma razão em renunciar à sexualidade ao envelhecer. Claro que as perfomances físicas diminuem com a idade.
Mas ninguém precisa ser um atleta, porque o desejo e o prazer sexual nada tem a ver com esporte. E a ciência esta ai p ajudar homens e mulheres a viver mais e melhor, em todos os aspectos.
Se a questão é atitude, onde estaria o impedimento à sexualidade depois dos 60 ou dos 70 anos? Na sociedade. No caso da brasileira, o sexo nesta fase da vida é ainda quase um tabu.

Dinamismo essencial

Mas vamos nos ater à sociedade francesa e, en passant, às transformações que começaram com o fim da segunda guerra mundial. A se rejuvenesce no pos-guerra, quando experimenta um período de crescimento econômico, com um aumento vertiginoso da natalidade. Ao final dos anos 60, com a crise que se abate sobre o pais, o numero de nascimentos declina e a população de idosos volta a crescer.
Só que, a essa altura, os velhos já nao eram mais os mesmos de antes, nem vistos como um peso, podendo eles vislumbrar um futuro cujo dinamismo era essencial para a economia e p a sociedade francesa. E isso se refletiu no comportamento em geral.

Aproveitando a liberdade

Os idosos passaram a se preocupar mais consigo mesmos, a cuidar mais da saúde e a agir diferentemente em relação à vida e ao sexo. Um fenômeno que confirma essa mudança é o aumento considerável do numero de divórcios nesta faixa da população, sobretudo na ultima década. Hoje, eles se separam se casam novamente, ou simplesmente aproveitam a liberdade, porque, por aqui, a terceira idade não começa mais aos 6 anos, como preconiza a , mas muito mais tarde.

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedinFacebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedin

Artigos relacionados